Passar para o conteúdo principal
Campo Obrigatório
06 de Abril 2022

Exportar para Espanha: o que saber para a sua empresa atravessar a fronteira

AICEP

Se está a iniciar o processo de internacionalização da sua empresa, o mercado espanhol, pela sua importância económica e proximidade geográfica, pode ser uma boa opção. Exportar para Espanha tem vantagens e particularidades que deve conhecer. 

Portugal e Espanha são vizinhos e as relações entre os dois países têm uma longa história. As relações comerciais têm sido bastante favoráveis: além de vizinha, Espanha é também uma boa cliente para as empresas nacionais. 

O peso do mercado espanhol nas exportações nacionais

Em 2021, ano em que as exportações de bens portuguesas atingiram 63.477 milhões de euros e voltaram a registar valores máximos, o peso do mercado espanhol voltou a crescer. 

Os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) mostram que, entre janeiro e dezembro de 2021, registou-se um crescimento homólogo de 24,2% nas exportações para este país. Em 2020, as economias ibéricas acusaram os efeitos da pandemia, mas os números de 2021 parecem animadores. 

Espanha representa 26,7% da quota total das exportações portuguesas, mais do dobro da França, que é o segundo destino (13,1%), e da Alemanha, que absorve 11% dos bens vendidos por Portugal a países estrangeiros.   

Espanha é, assim, o principal parceiro comercial de Portugal, o que representa, para as empresas nacionais, uma boa oportunidade de crescimento. A 14.ª economia mundial (e 4.ª na União Europeia) tem 46,8 milhões de habitantes e um PIB per capita de 27.339 dólares. Dados que revelam bem o potencial deste gigante económico que está mesmo aqui ao lado. 

Exportar para Espanha: informação de mercado

Apesar da proximidade geográfica, da língua facilmente percetível e de um enquadramento legal semelhante, por força das normas da própria União Europeia (UE), é importante, antes de começar a exportar para Espanha, ter acesso a alguma informação sobre o país. 

Para que o processo de prospeção e avaliação do mercado seja mais rigoroso, é fundamental recorrer a fontes que tenham acesso a informação atualizada e clara. A AICEP, através do site Portugal Exporta, disponibiliza alguma dessa informação. 

O registo na área de cliente MY AICEP garante o acesso a mais dados, bem como um acompanhamento mais personalizado do seu projeto de internacionalização. Poderá, por exemplo, perceber quais os mercados com maior potencial para as suas exportações 

A análise do mercado espanhol indica, por exemplo, os dados fundamentais sobre o ambiente de negócios, dando a conhecer o lugar de Espanha em rankings de competitividade, transparência ou facilidade em fazer negócios. Indicadores importantes para quem quer iniciar trocas comerciais ou, até, criar uma empresa no país vizinho.

Nesta análise ficará igualmente a saber que Máquinas e Aparelhos, Produtos Químicos, Veículos e Outro Material de Transporte, Combustíveis Minerais e Produtos Agrícolas são os cinco principais grupos de bens importados pelos espanhóis. Mas há outros artigos, como vestuário, plástico ou produtos alimentares que também representam uma fatia bastante significativa das importações.

Outro dado a reter é que Portugal não surge na lista dos cinco principais fornecedores de Espanha, que são, por ordem decrescente, Alemanha, China, França , Itália e EUA. O nosso país ocupa o 7.º lugar neste ranking, abaixo dos Países Baixos, mas acima de outros concorrentes. O que significa que, apesar do volume de exportações de Portugal para Espanha, há ainda margem para crescimento e, quem sabe, uma boa oportunidade para a sua empresa. 

Portugal está em quarto lugar entre os principais destinos das exportações espanholas, pelo que a balança comercial entre os dois países é, ainda, desfavorável para Portugal. 

Quadro legal e regulamentar: a análise de mercado da AICEP

A análise de mercado da AICEP permite, igualmente, ter acesso a informação mais detalhada sobre o quadro legal e regulamentar. O facto de, tal como Portugal, Espanha pertencer à UE contribui para a uniformização de certos aspectos, mas há também diferenças a ter em conta.

Nesta análise, além de um resumo das questões relacionadas com venda de bens, estabelecimento e prestação de serviços, são fornecidas ligações úteis para que possa ter informação mais detalhada. 

Assim, se está a pensar em exportar para Espanha, avalie estes e outros dados, traçando assim um plano de internacionalização mais preciso e, por isso, com mais hipóteses de ser bem-sucedido. 

Neste processo, pode também contar com o apoio especializado e in loco dos delegados da AICEP no país.

 

Veja também:

Está a pensar exportar para a Alemanha? Conheça a informação de mercado

Como traçar um plano de ação para a internacionalização?

O que esperar da AICEP no apoio à exportação?

 

Notícias AICEP

Portugal Concept Store: fornecedores para Espanha e França

AICEP

Portugal Concept Store estende operações online a Espanha e França no primeiro semestre de 2022.

  • Multimercado

A AICEP opera em 55 mercados: conheça a nossa Rede Externa

AICEP

São 170 profissionais em 55 mercados. Conheça esta frente avançada de Portugal no Mundo!

Sustentabilidade: desafios e impacto no comércio internacional

AICEP

Debate sobre os desafios da sustentabilidade para as empresas de comércio internacional.

Partilhe esta página

Campo Obrigatório