Passar para o conteúdo principal
Campo Obrigatório
02 de Dezembro 2021

A transição energética industrial em Portugal

AICEP

Portugal
Multisetor

O Centro de Negócios da Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS) recebe na sexta-feira, 3 de dezembro, a primeira grande conferência nacional sobre as novas soluções energéticas para a indústria, com destaque para a economia do hidrogénio verde, reunindo as mais relevantes empresas e entidades públicas do setor de Sines e do Alentejo.

Gerida pela aicep Global Parques - Gestão de Áreas Empresariais e Serviços S. A., a Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS) é a maior área de acolhimento empresarial de Portugal e o hub central da transição energética nacional, ao integrar um dos clusters industriais para a produção, distribuição e uso de hidrogénio verde, o "Sines Hydrogen Valley", estimado em cerca de 5 mil milhões de euros.

A produção de hidrogénio verde em Sines é alavancada pela ligação direta à rede nacional de gás natural e a existência de grandes consumidores industriais na ZILS, tais como a refinaria da Galp, o complexo petroquímico da Repsol ou a fábrica petroquímica da Indorama.

A este projeto estruturante somam-se outros, tais como: projetos associados à transição verde na Refinaria de Sines da Galp; o projeto de expansão da Repsol Polímeros que contempla a construção de duas novas fábricas e investimentos em equipamentos de geração de eletricidade de fonte renovável; e outros projetos de investimentos empresariais ligados ao setor químico e de refinação, inclusive de minérios.

Esta iniciativa é organizada no âmbito do programa Invest in Alentejo, Iniciativa liderada pela ADRAL – Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo, cofinanciado pelo Alentejo 2020.

Notícias AICEP

Crescimento das exportações de bens e serviços portugueses

AICEP

Exportações de bens e serviços registam crescimento de 2,1 por cento em novembro de 2021.

SAGALEXPO ganha força a nível internacional

AICEP

Feira dedicada à exportação de produtos portugueses decorre de 7 a 9 de março, na FIL.

E-commerce B2B e B2C: principais diferenças na abordagem…

AICEP

Fique a par das principais diferenças logísticas entre e-commerce B2B e B2C.

Partilhe esta página

Campo Obrigatório