Passar para o conteúdo principal
Campo Obrigatório
04 de Agosto 2020

Tendências & Oportunidades: Aceleração da digitalização do setor da saúde em França

AICEP

França
Saúde

A modernização e digitalização do setor da saúde francês foi desde o início uma prioridade do Grande Plano de Investimento da presidência de Emmanuel Macron e a pandemia COVID-19 veio acelerar e intensificar a necessidade de reformar o sistema de saúde francês. A 22 de julho de 2020 foi anunciada a criação de um plano de apoio à digitalização deste setor no valor de 2 mil milhões de euros (L’Usine Digitale, 2020).

O Think Tank francês Institut Montaigne publicou, em junho de 2020, um estudo em que prevê que a “e-santé”, isto é,  o fornecimento de serviços médicos e de apoio via online, venha a ter um potencial de 22 mil milhões de euros de faturação anual entre os próximos cinco a dez anos.

Das várias áreas do subsetor da “saúde digital” destaca-se a telemedicina, ou seja, consultas médicas via online, que cresceu exponencialmente com a pandemia COVID-19 e é uma tendência que se prevê que se mantenha no período pós-crise. No período anterior ao confinamento, França registava cerca de 10.000 consultas online por semana. Na última semana de abril registaram-se mais de 1 milhão de consultas online (L’Usine Digitale, 2020) e na semana seguinte ao confinamento (11 a 17 maio) foram registadas cerca de 650.000 consultas online, tendo o número de médicos disponíveis através da internet passado de 5.000 antes do confinamento para 40.000 no pós-confinamento (L’Usine Digitale, 2020).

Outras atividades deste subsetor menos desenvolvidas, mas em rápido crescimento,  registam-se ao nível dos serviços tecnológicos de apoio como a digitalização de processos administrativos, desenvolvimento de software, big data, data mining, sistemas de informação, objetos conectados, entre outros. Por este motivo, a digitalização do setor da saúde francês é uma tendência que todas as empresas portuguesas deste setor devem estar atentas e constitui uma oportunidade para todas as empresas tecnológicas da área da saúde que prestam este tipo de serviços.

Mais informações sobre este tema podem ser obtidas junto da Delegação da AICEP em Paris.

Campo Obrigatório