Passar para o conteúdo principal
Campo Obrigatório
12 de Março 2021

Tendências do comércio online em França para 2021

AICEP

França

Foi recentemente publicado pela Fédération du e-commerce et de la vente à distance e pela Médiamétrie um breve estudo sobre as cinco grandes tendências do e-commerce em França para 2021.

A primeira grande tendência é relativa ao consumo, respeitando as medidas sanitárias que implica naturalmente um crescimento do comércio online em 2021. Em 2020 este crescimento já foi acentuado e a tendência é a sua continuação: 41,6 milhões de ciber-compradores em 2020, mais 1,5 milhões de consumidores relativamente a 2019; 112 mil milhões de euros de faturação em 1,8 mil milhões de transações em 2020; e mais 53 por cento de crescimento das vendas online para as lojas que oferecem oferta simultaneamente física e online (ex: FNAC, grandes grupos de distribuição alimentar, entre outros).

A segunda grande tendência é a influência do teletrabalho nas compras online. 37 por cento dos ciber-consumidores franceses admitem que compram mais vezes online depois do início da pandemia COVID-19 e este valor aumenta para 45 por cento se o consumidor se encontrar em teletrabalho. Destes 37 por cento, 87 por cento admitem ter passado a comprar online produtos que anteriormente compravam apenas fisicamente. Este valor cresce para 92 por cento se o consumidor se encontrar em teletrabalho. Desses 37 por cento, 96 por cento admite ter feito mais compras online após a pandemia, valor que aumenta para 99 por cento se o consumidor se encontrar em teletrabalho.

A terceira grande tendência está associada ao equipamento informático utilizado pelos ciber-compradores. Aparentemente, o equipamento informático cedido pelas empresas para a realização do teletrabalho é muito prático para as compras online: 58 por cento dos ciber-consumidores utiliza o seu computador profissional para realizar compras online, valor que sobe para 63 por cento se o consumidor se encontrar em teletrabalho.

O aumento das compras agroalimentares é outra grande tendência para 2021. Em 2020, 30 por cento dos consumidores franceses compraram comida online, valor que aumenta para 40 por cento se o consumidor se encontrar em teletrabalho. Destes 30 por cento, 48 por cento utilizaram opções de entrega via drive, valor que aumenta para 53 por cento se o consumidor se encontrar em teletrabalho.

A última grande tendência é a cada vez maior conectividade do comércio local. 70 por cento dos consumidores franceses esperam que os comerciantes locais ofereçam produtos online mas apenas 26 por cento puderam fazê-lo em 2020. Destes 26por cento, 70 por cento fizeram-no com o objetivo de apoiar o comércio local e 81 por cento pretende continuar a fazê-lo após a crise.

Consulte o estudo, fonte integral desta nota, no website da Fevad.

Mais informações podem ser obtidas junto da delegação de Paris da aicep Portugal Global.

Partilhe esta página

Campo Obrigatório