Passar para o conteúdo principal
Campo Obrigatório
17 de Maio 2022

Sr. Bacalhau: Uma estratégia pioneira na fileira do bacalhau

AICEP

Multimercado
Multisetor

A Sr. Bacalhau (Rui Costa e Sousa & Irmão S.A.) dedica-se à transformação e comércio de bacalhau, empregando atualmente cerca de 500 pessoas, distribuídas por Portugal, Noruega, Brasil e Estados Unidos da América. Destaca-se por ser a única empresa portuguesa que acompanha todo o circuito do bacalhau, desde a saída da água ao prato do consumidor.

A fim de operacionalizar a rota da qualidade das empresas do Grupo Rui Costa e Sousa & Irmão, S.A., e prevendo as alterações nos mercados de origem da matéria-prima, nomeadamente no da Noruega, a empresa enveredou por uma estratégia pioneira de verticalização da fileira do bacalhau.

Em 2010, apostou no mercado norueguês, com um investimento que rondou os 20 milhões de euros, e, segundo o empresário Rui Costa e Sousa, “era o elo da cadeia de valor acrescentado que faltava (o acesso direto à matéria-prima), já que a empresa procurava manter a liderança de bacalhau salgado seco em Portugal, e no bacalhau demolhado ultracongelado pronto a cozinhar no Brasil”.

A Sr. Bacalhau é única empresa portuguesa que seguiu esta opção, oferecendo assim a alta qualidade e preço ao consumidor final. A empresa avançou com um investimento direto na Noruega, de modo a poder controlar todo o circuito do bacalhau, desde a saída da água ao prato do consumidor. Desta forma conseguiu responder à tendência crescente das cadeias de distribuição em Portugal, de se abastecerem diretamente na fonte.

O grupo é constituído por quatro empresas: Rui Costa E Sousa & Irmão, SA, Brites Vaz & Irmãos, SA, BRASCOD, no Brasil, e USACOD nos EUA, às quais se juntam as norueguesas Andenes Fiskmottak e Andoyafisheries SA.

A Andenes Fiskemottak é uma estação de receção de peixe, criada com o objetivo de estabelecer uma parceria de complementaridade, quer com os industriais que utilizam os subprodutos do bacalhau (ovas, fígados, entre outros) quer com os armadores. É a primeira empresa na indústria da pesca que, com base na cooperação, inclui toda a cadeia de valor desde a captura até ao cliente final, com o objetivo de garantir o fornecimento de matérias-primas diretamente dos pescadores para os clientes/acionistas para preparação de produtos finais.

Leia o artigo na íntegra na Revista Portugalglobal.

Para ficar a par de todas as novidades, subscreva a nossa Revista Portugalglobal

Notícias AICEP

12 empresas portuguesas presentes na Feira Playtime Paris

AICEP

A feira de moda infantil Playtime regressa ao Parc Floral em Paris de 2 a 4 de julho.

  • França
  • Moda

Participação portuguesa na feira de tecidos PRECO em Paris

AICEP

Nova edição da feira de tecidos PRECO realiza-se de 29 de junho a 1 de julho em Paris.

  • França
  • Multisetor

Exportar para os Estados Unidos: o que saber

AICEP

Conheça 7 recomendações para exportar para os Estados Unidos.

Partilhe esta página

Campo Obrigatório