Passar para o conteúdo principal
Campo Obrigatório
18 de Fevereiro 2020

Produtores portugueses de vinhos vencem 88 prémios em Moscovo

AICEP

Rússia
Vinho

Na 22ª edição do Concurso de Vinhos e Bebidas Espirituosas, organizado em Moscovo, durante a maior feira de produtos agroalimentares da Rússia “Prodexpo”, 88 vinhos portugueses de 16 produtores foram galardoados com múltiplos prémios.

Os prémios foram um Grand Prix “O Cisne de Ouro” (prémio máximo do concurso), nove medalhas “Estrela ProdExpo” (segundo mais importante palmarés do concurso), 43 medalhas de ouro e 35 de prata.

A Cooperativa Agricola de St. Isidro de Pegões, C.R.L., foi distinguida com o mais importante prémio da competição, “O Cisne de Ouro”, com o vinho tinto “Adega de Pegoes Aragonez 2015”, tendo ainda obtido uma medalha “Estrela ProdExpo” (“Encostas da Arrabida Syrah 2018”), 10 medalhas de ouro e sete de prata.

A Casa Ermelinda Freitas - Vinhos, Lda, foi reconhecida com três medalhas “Estrela ProdExpo” (“Vinha da Valentina Reserva Signature 2017”, “Vinha do Fava - Touriga Nacional 2018” e “Valoroso - Chardonnay 2018”), sete medalhas de ouro e quatro de prata.

De destacar também a Casa Santos Lima, Companhia das Vinhas S.A, que recebeu 14 prémios, entre os quais uma medalha “Estrela ProdExpo” (“Colossal Reserva 2017 tinto”), seis medalhas de ouro e sete de prata.

Foram ainda distinguidos os seguintes produtores:

  • Adega Cooperativa da Vermelha;
  • Adega de Azueira;
  • Adega de Cantanhede;
  • Adega de Favaios;
  • Adega Ponte da Barca;
  • Adega Ponte de Lima;
  • Casa de Vila Verde - Sociedade Agricola Lda;
  • Caves Santa Marta;
  • Ermelinda Vinhos de Portugal;
  • GinT - Premium Spirits;
  • Quinta da Raza;
  • Sociedade Agrícola Quinta do Conde SA;
  • Vinhos e Derivados, CRL.

A cerimónia da entrega dos prémios contou com a presença de várias empresas comerciais russas do setor (importadores, grossistas e retalhistas) e órgãos de comunicação social.

A edição de 2020 do concurso contou com a participação de 237 empresas de referência do setor de bebidas alcoólicas, tanto fabricantes, como distribuidores de marcas estrangeiras. Concorreram no total de cerca de 820 bebidas provenientes de 21 países, da Austrália aos Estados Unidos da América, passando pela Europa.

Fizeram parte do júri do concurso: Alexey Zaitsev, diretor do Concurso e membro das comissões da "IWC London" e "Mundus Vivi Germany"; Alexey Sidorov, presidente da Associação dos Sommeliers da Federação Russa; Denis Rudenko, conhecido blogger na temática vinícola; e Alexandre Zaitsev, membro das comissões da "IWC London" e "Mundus Vivi Germany".

Campo Obrigatório