Passar para o conteúdo principal
Campo Obrigatório
17 de Janeiro 2020

Feira "Maison & Objet Paris" com uma grande participação de empresas portuguesas

AICEP

França
Mobiliário

Realiza-se de 17 a 21 de janeiro, a primeira edição 2020 do salão bianual de mobiliário e decoração “Maison & Objet”, no Parque de Exposições de Villepinte, em Paris. Esta primeira edição do ano 2020 do salão “Maison & Objet” conta com uma das maiores participações portuguesas na feira.

Com 115 empresas e marcas, esta é uma das maiores participações portuguesas em certames da fileira casa dedicados aos profissionais do setor com o destaque tradicional, nesta edição de início do ano, para as empresas do setor do mobiliário.

O carácter seletivo da feira (qualidade, design e originalidade) continua a colocar este certame no topo das feiras internacionais mais importantes do setor. A presença portuguesa neste salão ao longo dos últimos anos posiciona Portugal no grupo dos principais países representados na feira, no que diz respeito ao número de expositores, conjuntamente com a Itália, Bélgica, Reino Unido, Alemanha, Espanha e Holanda.

A "Maison & Objet", que abrange diversos setores da fileira casa: mobiliário, têxtil, bem-estar, mesa, iluminação, artigos decorativos e projetos (“Maison & Objet - Editeurs”), realiza-se desde 1995 e é um dos salões internacionais com mais notoriedade a nível mundial, contando, nas últimas edições, com cerca de 3 mil expositores e mais de 80 mil visitantes únicos (45 por cento estrangeiros) numa superfície de cerca de 130 000 m2 de exposição. Esta feira também beneficia de uma excelente cobertura mediática esperando-se a participação de cerca de 1 000 jornalistas estrangeiros num total de mais de 3 mil profissionais ligados à área dos media.

A lista dos expositores portugueses está disponível aqui.

Em termos de trocas internacionais o mercado do mobiliário tem vindo, estes últimos anos, a crescer de formar regular e sustentada. De 2014 a 2018 exportações totais de mobiliário português passaram de cerca de 940 milhões de euros para mais de 1176 milhões de euros ou seja um aumento de 25 por cento em quatro anos, crescendo assim a cerca de 6 por cento em média anual. Apesar de um aumento também notável no que respeita às importações de mobiliário, o saldo da balança comercial portuguesa para este setor continua largamente positivo sendo o valor das exportações o dobro do das importações (de 2014 a 2018 importações totais de mobiliário português passaram de cerca de 358 milhões de euros para mais de 543 milhões de euros).

Neste panorama, a França é o principal mercado de destino das exportações portuguesas de mobiliário. De 2014 a 2018 exportações de mobiliário português para França passaram de cerca de 290 milhões de euros para mais de 402 milhões de euros ou seja um aumento de 39 por cento em quatro anos, crescendo assim a cerca de 9 por cento em média anual. Para além de ser o primeiro mercado de exportação este também se destaca pelo seu dinamismo de crescimento. As exportações de mobiliário português para França representam 34 por cento do total das expetações de mobiliário. Visto do lado francês Portugal coloca-se em 7ª posição como fornecedor deste mercado com uma quota de 3.51 por cento em 2018 (em 2018, a China foi o principal fornecedor de França com uma quota de 23,4 por cento).

Esta edição da "Maison & Objet" será visitada pelo secretário de Estado Adjunto e da Economia, João Neves, e pela administradora da AICEP, Madalena Oliveira Silva, que serão acompanhados por representantes da Embaixada de Portugal em França, da APIMA-Associação Portuguesa das Indústrias de Mobiliário e Afins, AIPI – Associação dos Industrias Portugueses de Iluminação e por elementos da equipa da AICEP em Paris e em Portugal.

Campo Obrigatório