Passar para o conteúdo principal
Campo Obrigatório
10 de Agosto 2021

Comércio internacional português de bens em junho de 2021

AICEP

Portugal

Em junho de 2021, as exportações de bens atingiram os 5.143 milhões de euros e as importações foram de 6.666 milhões de euros. Assim, é percetível que o défice da balança comercial de bens foi de 1.523 milhões de euros em junho de 2021, aumentando 609 milhões de euros em relação ao mês homólogo de 2020 e 148 milhões de euros comparativamente a maio de 2021.

Em valores acumulados, de janeiro a junho de 2021, as exportações de bens ascenderam a 31.184 milhões de euros, contra 25.118 milhões de euros em igual período de 2020, ou seja, um aumento de 6.066 milhões de euros. Comparativamente a 2019 (janeiro a junho) as exportações cresceram 2,9 por cento.

No mesmo período, as importações totalizaram 38.147 milhões de euros e cresceram 5.417 milhões de euros. Face ao mesmo período de 2019, as importações diminuíram 5,4 por cento.

Em 2021 (janeiro a junho), as exportações para a União Europeia aumentaram 24,5 por cento, registando uma quota nas exportações totais de 71,6 por cento. Espanha foi o principal destino das nossas exportações de bens com uma quota de 26,2 por cento no total, seguindo-se França (13,6 por cento) e Alemanha (11,1 por cento).

As exportações extracomunitárias aumentaram 23,2 por cento em termos homólogos, observando um peso no total de 28,4 por cento. Os EUA e o Reino Unido, com quotas de 5,2 por cento cada, foram, respetivamente, os principais clientes extracomunitários e quarto e quinto, em termos globais.

Na importação, as compras à União Europeia (74,8 por cento do total) aumentaram 19,4 por cento e aos Países Terceiros 8,9 por cento (25,2 por cento do total).

Espanha foi o nosso principal fornecedor, com uma quota de 32,4 por cento, seguida da Alemanha (13,5 por cento) e da França (7 por cento). O principal fornecedor extracomunitário, e sexto no ranking global, foi a China, com um peso de 4,3 por cento.

Por grupos de produtos, as Máquinas e Aparelhos constituíram a principal exportação com uma quota de 14,7 por cento do total, seguindo-se os Veículos e Outro Material de Transporte (14,3 por cento).

Nas importações prevaleceram também as Máquinas e Aparelhos (19 por cento do total), seguindo-
-se os Químicos (12,6 por cento), os Veículos e Outro Material de Transporte (11,4 por cento) e os Agrícolas (10,4 por cento).

Notícias AICEP

Exportações portuguesas registam crescimento

AICEP

Exportações portuguesas registam crescimento nos primeiros sete meses do ano.

Pavilhão de Portugal pronto para inauguração da Expo 2020 Dubai

AICEP

Pavilhão de Portugal está pronto para a inauguração da Expo 2020 Dubai de dia 1 de outubro.

  • Multimercado

Acordo entre El Corte Inglés e AICEP promove marcas portuguesas

AICEP

El Corte Inglés e AICEP firmam acordo para promover marcas portuguesas nos canais online.

Partilhe esta página

Campo Obrigatório